Encontro de Gestores/2017

Encontro de Gestores/2017

Durante a manhã do dia 09 de maio, diretores e vice-diretores das escolas parceiras da FDG participaram, em sua sede, do Encontro de Gestores para a apresentação das novas diretrizes de atuação da Fundação.

Encontro de Gestores_2017_e


Na ocasião, a Profª Maria Helena Godoy, coordenadora técnica de projetos, desenvolveu dinâmica que possibilitou aos gestores identificar as forças propulsoras que maximizam e agregam mais eficiência à implementação dos processos de gestão, com impacto positivo nos resultados das escolas. Nesse contexto, foram identificadas também as forças restritivas, que afastam os gestores de seus objetivos.
Na culminância da atividade, foi elaborado um plano de ação conjunto, que deve ser implementado, visando o fortalecimento das forças propulsoras e o enfraquecimento das forças restritivas.
Os parceiros saíram otimistas e esperam, adotando  técnicas inovadoras de gestão, resultados cada vez melhores.

Mais uma vez, a FDG avança no cumprimento de sua missão em prol de uma educação de qualidade.

 

Encontro de Gestores_2017       Encontro de Gestores_2017_c



Manhã de capacitação para os professores das Escolas Estaduais Duque de Caxias, Padre João Botelho e Francisco Firmo de Matos

Manhã de capacitação para os professores das Escolas Estaduais Duque de Caxias, Padre João Botelho e Francisco Firmo de Matos

Muito se tem discutido sobre a formação dos professores, já que o Plano Nacional de Educação 2014-2024 prevê uma meta para formação inicial e outra para formação continuada. Isso porque o professor preparado tem papel fundamental na vida de seus alunos.

Pensando em melhorar a formação dos professores, a Fundação de Desenvolvimento Gerencial e o Colégio Loyola estão oferecendo, agora pela manhã, por meio do Convênio de Cooperação Técnica, a capacitação “O Lúdico e a Aprendizagem Significativa” para os professores do Ensino Fundamental I das escolas estaduais Duque de Caxias, Padre João Botelho e Francisco Firmo de Matos.

20160813_101907_

Os professores do Colégio Loyola ministram, na capacitação, as seguintes oficinas:

- Letramento: da imaginação a aprendizagem significativa;
- Cric do Grilo: ativando os sentidos para a leitura do mundo;
- Ciranda dos livros e cultura das diferentes pessoas;
- Minas são Muitas: Cultura, Arte e Conhecimento;
- Conquistando Territórios, Ampliando Fronteiras.

O objetivo é auxiliar os professores na elaboração de aulas mais atrativas diante da nova realidade da sala de aula, atuando como mediadores da aprendizagem e promovendo educação de qualidade.

 

20160813_101637
Dinâmica apresentada em uma das oficinas ministradas

 

20 de maio: Dia do Pedagogo

20 de maio: Dia do Pedagogo

Especialista fala sobre os desafios dessa profissão, sendo que um dos principais é o domínio das ferramentas gerenciais.

Desde 2010, o Decreto Lei nº 7.264 instituiu no país o Dia do Pedagogo, que é comemorado em 20 de Maio. A data tem como objetivo promover a discussão do papel da família e da escola no desenvolvimento das crianças, delimitando suas responsabilidades. Ser Pedagogo não é apenas ser Professor, Mestre, Tia, Coordenadora, Supervisora, Orientadora, Dona de escola. É mais do que isso, é ser responsável e saber lidar com o diferente, sem preconceitos, sem distinção de cor, raça, sexo ou religião. Nas mãos desse profissional concentra-se o futuro de muitos médicos, engenheiros, advogados ou qualquer outra profissão.

O profissional de pedagogia é capaz de atuar tanto em espaços escolares como em outros diversos. A pedagoga Rosângela Torres de Sá, consultora da Fundação de Desenvolvimento Gerencial (FDG), explica que no espaço escolar o pedagogo assume um papel importante junto a todos os segmentos, direta ou indiretamente, por meio de práticas educativas direcionadas à transmissão do conhecimento. Ela esclarece que seu ofício consiste em planejar, acompanhar e monitorar o ensino de aprendizagem.

“O Pedagogo é um especialista em Educação que tem como atribuição fundamental difundir conhecimentos no campo Educacional, sendo uma das atribuições mais importantes a de coordenar a elaboração coletiva e acompanhar a efetivação da proposta curricular da escola a partir de políticas educacionais”, completou Rosângela.

O papel do pedagogo como gestor escolar

A especialista ressalta que estes profissionais encontram várias dificuldades no ambiente escolar, sendo que um dos principais desafios é dar um novo conceito ao seu papel de “gerente” no processo de ensino. Ainda segundo a consultora, outro grande desafio enfrentado é a necessidade de que o Pedagogo domine saberes que fundamentem seu fazer pedagógico, ou seja, que dão sustentação ao seu trabalho.

Para ela, um dos saberes essenciais do pedagogo é o domínio das ferramentas gerenciais, que contribui de forma precisa para o trabalho, propiciando condições de atuar de modo mais consistente, promovendo a educação que realmente leva aprendizagem aos alunos.

Fundação de Desenvolvimento Gerencial

Caeté recebe Prêmio Palma de Ouro 2016 do Educa Brasil

Caeté recebe Prêmio Palma de Ouro 2016 do Educa Brasil

A GIDE continua dando frutos sob competente liderança.

A Rede Municipal de Educação de Caeté, que incorporou a GIDE em sua rotina de gestão, recebeu o Prêmio Palma de Ouro 2016 do Educa Brasil, uma justa homenagem à Gestão Educacional Participativa do Município. 

____________________________________________________________________________________________________________

Educação

Destaque na educação:

por Assessoria de Comunicação

Caeté recebeu, na última quinta-feira (5), o Prêmio Palma de Ouro 2016, do Educa Brasil. O prêmio é reconhecimento nacional pela qualidade da educação em Caeté e foi entregue para a Secretária Silvia Oliveira Carvalho.

“Agradeço ao prefeito Zezé Oliveira, que confiou a mim este desafio de fazer da educação a mola mestra de seu governo e conduzir de forma a valorizar seus propósitos e tornar cada item de seu governo na gestão da educação uma realidade que permite a milhares de crianças a condição digna do aprender e ser ainda melhores”, destacou.

Silvia ressaltou ainda a importância do trabalho de cada servidor. “Obrigada a toda família que faz crescer a educação municipal em Caeté. É para vocês também mais essa importante conquista”.

A cerimônia aconteceu durante a 16ª Edição do Educa Brasil – Encontro Nacional de Secretários Municipais de Educação, e contou ainda com a palestra “O que quer a escola? Novos olhares possibilitam a construção da ética do cuidado”, ministrada pela mestra em educação Professora Jane Patrícia Haddad.

Assessoria de impressa 01_Caeté

Palma de Ouro - Para a premiação, foram considerados critérios como: projetos de implantação pedagógica e regimento escolar; obras municipais da área da educação; análise dos recursos (25% verba pública); avaliação da gestão democrática do ensino público; análise da atuação na definição da política municipal da educação; análise do gerenciamento dos serviços educacionais; análise da participação da sociedade na gestão da educação do município.

Caeté é bem avaliada em todos os itens e já apresenta resultados sólidos na educação, como o recorde no IDEB, investimentos maciços não só em infraestrutura e novos materiais didáticos e kits escolares, mas com atenção especial à valorização dos servidores, com pagamento do piso nacional e regularização de férias.

Fonte: http://www.caete.mg.gov.br/Materia_especifica/58796/Destaque-na-educacao. Disponível em 06 de maio de 2016.

Palestra: A educação e o desafio de lidar com o conflito e a violência

Palestra: A educação e o desafio de lidar com o conflito e a violência

Num momento em que o mundo todo sofre e lamenta a falta de paz em decorrência da violência, a psicóloga Mônica Mummevem vem a Belo Horizonte, no próximo sábado, dia 28 de novembro, para falar sobre os desafios da convivência na escola. A palestra é destinada às escolas públicas parceiras que são atendidas pela Fundação de Desenvolvimento Gerencial (FDG). “É uma oportunidade única para que diretores, supervisores, professores e educadores possam ouvir sobre as “práticas restaurativas” que têm auxiliado os gestores escolares nesse momento de desafio para as instituições”, declarou a palestrante.

 Segundo a especialista é preciso pensar na escola como um lugar comum de convivência e qual o papel de cada um na construção de uma cultura de paz. “O desafio de transformar instituições em espaço de convivência ética e pacífica é imenso. Não se pode, de forma alguma, incorrer no erro de excluir nenhum ator que forma esta instituição. Não podemos deixar que uns ditem a outros como devem ser, sentir e reproduzir nas relações a dominação e o poder autoritário que são muitas vezes o primeiro ato violento e banalizado em nossa sociedade”, declarou Mônica.

 A palestra será ministrada para cerca de 350 convidados no teatro do Colégio Loyola. O evento pretende discutir com os educadores os desafios de lidar com os conflitos e a violência nas escolas e, além disso, como a educação pode ajudar a promover a paz. “Será uma ótima oportunidade de poder compartilhar essa experiência com o público do nosso Projeto”, disse Maria Helena Godoy, coordenadora dos projetos educacionais da FDG.

 Parceria em prol da educação

 Vinda de São Paulo para esse fim, Mônica Mumme, além de psicóloga, também é professora, consultora e palestrante especializada em mudanças de comportamento e paradigmas e na implementação de novas práticas. A especialista foi convidada pelo Colégio Loyola para apresentar o tema para os educadores das escolas públicas parceiras da Fundação, dentro do Convênio de Cooperação Técnica entre o Loyola a e a FDG, firmado desde o início deste ano.

 Um dos objetivos desse convênio é unir forças para fomentar o desenvolvimento da qualidade da educação das escolas públicas que são parceiras da Fundação. “Nessa parceria, serão utilizadasas ferramentas, a estrutura física e o conhecimento do Colégio Loyola. Em contrapartida, a instituição de ensino contará com a expertise e a consultoria de algumas soluções da metodologia de Gestão Integrada da Educação (GIDE), que é aplicada pela FDG”, explicou o Padre Germano Cord Neto, reitor e diretor geral do Colégio Loyola.

Foto: Divulgação

Fonte:  http://www.bheventos.com.br/evento/11-28-2015-palestra-a-educacao-e-o-desafio-de-lidar-com-o-conflito-e-a-violencia. Disponível em 09/12/15.