Premiação da 1ª Gincana Online AppProva nas escolas parceiras da FDG

Premiação da 1ª Gincana Online AppProva nas escolas parceiras da FDG

Na manhã desta quinta-feira, dia 3 de novembro, a Fundação de Desenvolvimento Gerencial (FDG), premiou os alunos que se destacaram na 1ª Gincana Online pelo AppProva, realizada entre os dias 03 e 07 de outubro.

A consultora da FDG, Pollyanna Faria, esteve nas três instituições parceiras participantes para a entrega dos prêmios aos primeiros e segundos lugares de cada escola.

A gincana é mais uma ação proposta pela Gestão Integrada da Escola (GIDE), que objetiva preparar os alunos para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), para que sejam bem classificados no exame. “ Essas ações incentivam os alunos e proporciona uma preparação adequada para que eles alcancem uma boa classificação no Enem que hoje é a porta de entrada para as universidades públicas, além da oportunidade de conseguir bolsas de estudos por meio do Prouni ou do Fies e até mesmo ingressar em cursos técnicos gratuitos oferecidos pelo Sisutec”, destaca a consultora.

A Fundação parabeniza os alunos:

Gabriel Coelho – 1º lugar geral, obtendo a maior nota entre as três escolas participantes e 1º lugar da E.E. Francisco Firmo de Matos.
Gabriela de Lima – 2º lugar da E.E. Francisco Firmo de Matos.

Eduarda Bárbara – 1º lugar da E.E. Padre João Botelho
Lorraine Kathleen – 2º lugar da E.E. Padre João Botelho

Raquel Santana – 1º lugar da E.E. Presidente Antônio Carlos
Shilda Gabrielly Ramalho – 2º lugar da E.E. Presidente Antônio Carlos

 

 

 

 

Fundação de Desenvolvimento Gerencial

 

Gás total na reta final da preparação para o Enem

Gás total na reta final da preparação para o Enem

Alunos de escolas públicas participam de várias ações para incentivar a preparação para o Enem

Cerca de 8,7 milhões de alunos estão na expectativa para a prova do ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio 2016, no próximo final de semana. E a Fundação de Desenvolvimento Gerencial (FDG) preparou juntamente com escolas parceiras várias ações para incentivar a preparação dos alunos para a prova. “Assim, conseguimos preparar os alunos para a prova do Enem, de forma tradicional e lúdica para que sejam bem classificados no exame”, destacou Pollyanna Faria, consultora da FDG.

Entre as ações, estão sendo realizadas palestras sobre as oportunidades de entrar nas faculdades e universidades, simulados online por meio do aplicativo AppProva, simulados presenciais, gincanas e painéis informativos. “Nesta semana acontecerá a Gincana do Enem na E.E. Francisco Firmo de Matos. No mês de junho essa gincana foi realizada na E.E. Padre João Botelho e já faz parte do plano de ação pedagógico e do calendário dessas escolas desde 2013”, explicou a consultora.

 

IMG-20161101-WA0001      IMG-20161101-WA0008
E
quipes formadas para a Gincana do Enem na EE Francisco Firmo de Matos

 

O aluno Gabriel Coelho, da E. E. Francisco Firmo de Matos acredita que o Enem pode mudar a vida dele e por isso está muito confiante e compromissado para a prova. “Venho sendo preparado para o exame pela minha escola com dinâmicas parecidas com o exame, como um simulado que tivemos na etapa final onde ficamos quatro horas dentro da sala fazendo cerca de 80 questões. Além disso, com a parceria da FDG a escola proporcionou uma palestra para as turmas com a intenção de nos mostrar a importância do Enem e explicando melhor como funciona o exame”, contou.

Premiação

Outra novidade é a premiação dos alunos das escolas estaduais Padre João Botelho, Francisco Firmo de Matos e Presidente Antônio Carlos que tiveram melhor desempenho na 1ª Gincana on-line por meio do AppProva e organizada pela FDG.  Os alunos serão premiados com produtos eletrônicos na próxima quinta-feira, dia 3 de novembro.

A plataforma já é acessada pelos estudantes para realizar os simulados e possui um banco com mais de 30 mil questões das áreas de Ciências Humanas e suas tecnologias, Ciências da Natureza e suas tecnologias, Linguagens, Códigos e suas tecnologias e Matemática e suas tecnologias possibilitando aos professores avaliarem os resultados de cada aluno, não necessariamente por meio de notas, mas sim pelo desempenho nos conteúdos e dificuldades.

São utilizadas ainda nos simulados questões de provas anteriores do Enem e de outros vestibulares. Além disso, a ferramenta aponta oportunidades de melhoria para cada estudante, em cada disciplina, por meio dos simulados mostrando também onde eles tiveram maior êxito, explicou Pollyanna.

Já utilizado pelo Colégio Loyola para a preparação dos seus alunos para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), o aplicativo é disponibilizado gratuitamente para cerca de 1.500 alunos dessas escolas públicas parceiras atendidas pela Fundação. Somente em 2015, o aplicativo foi utilizado por 1.381 alunos do Loyola, entre 121 simulados realizados por eles, com um total de 47 mil respostas.

 

Fundação de Desenvolvimento Gerencial

Gestão em Ação: simulado do ENEM também entusiasma alunos do EEPAC

Gestão em Ação: simulado do ENEM também entusiasma alunos do EEPAC

Os alunos do 3º ano do ensino médio da E.E. Presidente Antônio Carlos, no bairro Carmo Sion, realizam hoje o simulado presencial do ENEM. Esse preparatório é uma ótima maneira de conhecer a prova, saber como as questões são abordadas e ainda verificar quais são os assuntos que devem ser mais estudados.

A equipe da FDG esteve na escola antes do início do simulado para dar as boas-vindas aos alunos e repassar dicas para a realização de uma boa prova.

Essa ação do simulado é embasada no Índice de Formação de Cidadania e Responsabilidade Social (IFC/RS), principal indicador de resultados da metodologia Gestão Integrada da Educação (GIDE). A escola, parceira da FDG na GIDE desde 2012, avalia a sua capacidade de ampliar a adesão ao ENEM e de se preparar adequadamente para que seus alunos sejam bem classificados no exame. A cada ano, o indicador possibilita que a escola mensure o seu resultado e defina uma meta de melhoria, propondo ações para alcança-la.

Além dessa atividade, a escola trabalha o ENEM por meio de monitoria e por meio do AppProva, ferramenta tecnológica que auxilia na preparação para o Exame.

Assim como nos anos anteriores, o ENEM ocorrerá em dois dias seguidos. No sábado, dia 5 de novembro, os participantes farão as provas de ciências humanas e ciências da natureza, entre as 13h e as 17h30 (horário de Brasília). No domingo, dia 6, serão aplicadas as provas de linguagens e códigos, matemática e redação. Nesse dia, o tempo de exame será mais longo, entre as 13h e as 18h30 (horário de Brasília).

Fundação de Desenvolvimento Gerencial

Gestão em Ação: Simulado do ENEM entusiasma alunos

Gestão em Ação: Simulado do ENEM entusiasma alunos

IMG-20160915-WA0035Belo Horizonte, 15 de setembro.

Aconteceu hoje o simulado presencial do ENEM para os alunos da Escola Estadual Padre João Botelho, parceira da FDG. O simulado é uma ótima maneira não só de conhecer a prova, mas também de verificar quais são os assuntos ou tipos de questões que devem ser mais estudados.

Além dessa atividade, a escola trabalha o Enem por meio de monitoria, portfólio de atividades e gincana específica do tema.

Neste ano, assim como nos anos anteriores, o Enem ocorrerá em dois dias seguidos. No sábado, dia 5 de novembro, os participantes farão as provas de ciências humanas e ciências da natureza, entre as 13h e as 17h30 (horário de Brasília). No domingo, dia 6, serão aplicadas as provas de linguagens e códigos, matemática e redação. Nesse dia, o tempo de exame será mais longo, entre as 13h e as 18h30 (horário de Brasília).

Atualmente o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é a principal avaliação para ingressar no ensino superior. A nota resultante da prova é utilizada como critério para acesso ao ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

A ação ocorrida hoje na E.E. Padre João Botelho é embasada no Índice de Formação de Cidadania e Responsabilidade Social (IFC/RS), principal indicador de resultados da metodologia Gestão Integrada da Educação (GIDE). A escola, parceira da FDG na GIDE, avalia a sua capacidade de ampliar a adesão ao ENEM e de se preparar adequadamente para que seus alunos sejam bem classificados no exame. A cada ano, o indicador possibilita que a escola mensure o seu resultado e defina uma meta de melhoria, propondo ações para alcança-la.

Quando as inscrições para o ENEM são abertas, a equipe gestora da escola conversa com as turmas de alunos do 3º ano do ensino médio sobre a importância da avaliação e disponibiliza os computadores da escola para que os interessados façam a sua inscrição. Painéis informativos são divulgados nas dependências da escola, o que possibilita aos alunos informações atualizadas sobre o período das provas, sites que auxiliam nos estudos, cuidados e dicas sobre a avaliação.

Em sala de aula, além de incentivar, os professores selecionam e trabalham questões de provas anteriores, esclarecendo dúvidas e reforçando os conteúdos que são avaliados.

Em meio a tudo isso, o incentivo que acontece no simulado deixa os estudantes mais preparados para enfrentar essa nova etapa e vencer.